Inicio | | Viagens | | Voltinhas | | Manutenção | | TUGATECH | | História da XT |  VELA 

quinta-feira

Pequenos (mas importantes) Ajustes

Para uma melhor "performance"
devemos sempre garantir que uma serie de ajustes e folgas,
estão dentro das tais tolerâncias de utilização...

A verificação destes ajustes, não necessitam dum intervalo especifico,
ou seja: se os conhecermos e os compreendermos, é algo que quando nos sentamos em cima da Mota, ou até em andamento, nos apercebemos se estão ou não OK

por exemplo:
Verificamos com muita regularidade se os espelhos estão bem regulados... não é?
Então podemos no dia a dia (e duma forma natural) confirmar outras pequenas coisas...


- Folga da Embraiagem

Raramente é necessário ajusta-la,
mas temos que garantir que ela existe, e que está OK

Esta folga é das que irrita muita gente, pois a folga existe na manete,
e normalmente origina uma barulheira miudinha devido à vibração do motor,
principalmente quando damos ao "starter" com o ar puxado.

A ausência desta folga, pode originar a embraiagem patinar em rotações altas, e condenar os discos de embraiagem a uma vida útil muito curta...
um exemplo desta situação é: irmos a uns 120km/h e ao acelerarmos, ouvimos o motor a aumentar de rotação mas a velocidade mantém-se a mesma 

A folga é de 10 a 15 milímetros na ponta da manete
(como se pode ver na imagem ao lado)

O ajuste é muito simples e rápido:

- basta aliviar a contraporca
(por vezes é necessário um alicate)
- ajusta-se o parafuso manualmente e sem necessidade de ferramenta
- se necessitamos de dar folga,
ajusta-se no sentido "a"
- se necessitamos de retirar folga,
ajusta-se no sentido "b"
- e aperta-se a contraporca.






- Folga do Travão Dianteiro

Esta folga tem uma pequena mola que faz com que a manete pareça não ter folga,
mas ela pode ser sentida (ou verificada) com um pouco de "tacto" da nossa parte.

É uma folga pequena, mas que garante que a manete em repouso não se encontra a travar a roda,
e sem esta folga, existe o risco de a pinça de travão, travar muito levemente o travão de disco.

Nunca necessitei de ajustar este ajuste, mas garanto (como que por instinto) que ele está OK






- Folga do Acelerador



Uma folga que deve estar entre os 3 e 5 milímetros

esta folga vai permitir-nos a "ajustar o relantim"  e garante que o carburador está internamente na sua posição correcta (pois caso contrario poderia estar ligeiramente acelerado)


Nunca necessitei de ajustar o acelerador, e dificilmente alguém vai ter necessidade de o fazer um dia...
mas devemos garantir que ela existe e que o punho nunca ira ficar preso durante todo o curso.


Talvez exista apenas necessidade de regular tal ajuste em caso de troca dos cabos, e o ajuste é feito junto ao carburador nas porcas de fixação (imagens em baixo)






Outra coisa que pode ser posta em causa é:
- o gajo do blog diz para verificar as folgas, 
mas também está sempre a dizer que nunca necessitou de ajusta-las, e tal...

Pois é !! mas se conhecerem estas folgas e notarem que elas estão alteradas,
é porque há algo de errado, do tipo:

- alguém andou a mexer onde não devia,
- esta a começar-se a partir o cabo da embraiagem,
- algo de errado existe com a bomba do travão
- ou os suportes da manetes sofreram alguma alteração,
- existe algo de errado com o enrolador cana do acelerador, ou temos os cabos a partirem-se...
- etc etc


Existem mais algumas folgas, como a do parafuso de fixação do descanso (+/-3mm), etc etc
estas folgas são comuns a todas as Motas e apenas muda os valores,
visto que os valores que eu apresentei são para a XT600E,
se a tua Mota for outro modelo, basta dar uma vista de olhos no "manual do proprietário"
que isso vem ou deve vir lá mencionado...



OBR pela visita
(Edgar)

Sem comentários:

Enviar um comentário